Jornal: poupado no treino, Neymar se desentende com treinador do PSG

Treinador teria negado pedido do craque para treinar normalmente depois da vitória sobre o Anderlecht pela Champions, o que desagradou o jogador

Neymar e Unai Emery tiveram um momento de desavença no treino da última sexta-feira, a primeira atividade depois da vitória do Paris Saint-Germain sobre o Anderlecht, na quarta, pela Liga dos Campeões. O treinador teria negado o pedido do craque para treinar normalmente com o objetivo de preservá-lo, mas o jogador não gostou. As informações são do jornal francês "L'Équipe".
De acordo com a notícia, Emery dividiu o elenco em dois grupos. O primeiro, dos jogadores que atuaram na terça, ficou fazendo atividades mais leves; enquanto o segundo, dos atletas que não entraram em campo na Bélgica, batia bola em campo reduzido.
Nesse momento, Neymar teria se aproximado do treinador e dito que gostaria de treinar normalmente com o outro grupo, pedido que foi rejeitado. O brasileiro, então, teria chutado com força uma bola na parede em sinal de desaprovação.
Por curiosidade, o episódio aconteceu depois que Unai Emery disse, em coletiva de imprensa, que Neymar ainda "precisa de tempo" para se adaptar ao Paris Saint-Germain, embora tenha elogiado sua performance até aqui.
- Ele precisa de tempo. Mas claro que queremos que a adaptação seja a mais rápida possível. Mas ele vai se adaptar a Paris, aos companheiros de equipe, à nossa ideia de jogo. E depois os outros precisam se adaptar a ele também. É por isso que é uma adaptação que temos que esperar o tempo passar, mas é um jogador que já está tendo uma grande perfomance - comentou o comandante na ocasião.
Com 10 partidas disputadas até aqui pelo PSG, Neymar marcou nove gols e deu sete assistências.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p