Conmebol define grupos para 13ª edição da Libertadores Feminina

Competição será disputada a partir do dia 3 de novembro e terá a participação de três equipes brasileiras: Ferroviária, Corinthians e Kindermann

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) realizou, nesta sexta-feira, o sorteio da fase de grupos da Libertadores Feminina 2021, que será disputada a partir do dia 3 de novembro. A 13ª edição do torneio contará com a participação de três equipes brasileiras entre os 16 participantes: Ferroviária, atual campeã, Corinthians e Kindermann, campeão e vice do último Brasileirão.

A competição será realizada em duas sedes diferentes, sendo a fase de grupos, quartas de final e semifinais no Paraguai, entre 3 e 18 de novembro, e a grande decisão no Uruguai, no dia 21 de novembro, no estádio Gran Parque Central, em Montevidéu.

Contando com a decisão da Libertadores feminina, a capital uruguaia receberá três decisões continentais na mesma semana: a Sul-Americana no dia 20, no Estádio Centenário, e a Libertadores Masculina no dia 27, no mesmo palco.

Como mostra o regulamento da Conmebol, dois time do mesmo país não podem ser sorteados no mesmo grupo. Dessa forma, o Kindermann, que havia caído no grupo A, da Ferroviária, teve de ser realocado para o B. O Alvinegro Paulista ficou no grupo D.

Conheça todas as chaves da Libertadores Feminina:

GRUPO A

  • Ferroviária
  • Paraguai 2 (ainda será definido)
  • Deportivo Cuenca (EQU)
  • Independiente Santa Fé (COL)

GRUPO B

  • Cerro Porteño (PAR)
  • Santiago Morning (CHI)
  • Yaracuyanos (VEN)
  • Kindermann

GRUPO C

  • Deportivo Cali (COL)
  • Alianza Lima (PER)
  • Bolívia 1 (ainda será definido)
  • Universidad de Chile (CHI)

GRUPO D

  • Corinthians
  • San Lorenzo (ARG)
  • Nacional (URU)
  • Paraguai 3 (ainda será definido)