UDA tem oito jogadoras confirmadas como reforços para o Brasileirão A2

Equipe alagoana segue a preparação para o campeonato nacional com forte investimento

A União Desportiva iniciou os trabalhos cedo em 2023 e já começa a montar o elenco que disputará o Campeonato Brasileiro Feminino A2. Até aqui, o clube já confirmou a contratação de oito novas jogadoras, sendo que quatro delas foram anunciadas nesta segunda-feira (30), nas redes sociais.

As mais recentes contratadas são: a zagueira Mariane, de 21 anos, a zagueira Maria Barroso, de 28 anos, a lateral esquerda Milena, de 25 anos, além da volante Gi Ferreira, de apenas 20 anos.

Todas vieram dos mercados mais variados do futebol brasileiro. Mariane, Maria e Gi estavam no futebol amazonense, atuando por Tarumã e JC, respectivamente. Já Milena fez parte do elenco do Minas Brasília, onde disputou o Brasileirão A2 no ano passado.

As quatro novas jogadoras se juntam a zagueira Emely Paixão (ex-ESMAC), a lateral Amanda Condé (ex-Realidade Jovem), a volante Larisse (ex-3B) e a goleira Gaby Souza (ex-Vitória). A arqueira, inclusive, já foi campeã da Série A2 do Brasileirão em 2020, quando jogava pelo Napoli.

Experiente zagueira de 28 anos, Maria Barroso está entre as novas contratadas da UDA - Foto: Reprodução/Instagram

A montagem do elenco da UDA segue sendo observada pelo novo treinador, também recém-contratado, Pablo Rizza. Pablo tem 44 anos e treinou o Minas Brasília no ano passado. Sob seu comando, o time candango alcançou as quartas de final, quando foi eliminado pelo Bahia.

Juntando contratações e renovações, a Águia já tem 13 atletas confirmadas para 2023. Entre as remanescentes do time que foi campeão alagoano estão: a goleira Sabrina, as zagueiras Apoliana e Giselle, a volante Aline, além da meia Mileny. A CBF ainda não divulgou uma data para o início do Brasileirão.

Pablo Rizza é o técnico é escolhido pela diretoria da UDA - Foto: juliocsphoto