Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

No Z4 e ainda sem vencer na Série B, CSA visita o Brusque no interior de Santa Catarina

Com dois pontos em duas partidas realizadas, Azulão começa 4ª rodada dentro da zona do rebaixamento

A Série B ainda está em seu início, mas o alerta já está ligado no Azulão do Mutange. Dentro da zona perigosa, o CSA entra em campo nesta terça-feira (26), contra o Brusque, para tentar a sua primeira vitória na Segundona. O duelo inicia às 20h30, no Estádio Augusto Bauer, e já é válido pela 4ª rodada da competição.

Panorama

Leia também

Em meio a uma maratona quase que interminável, o CSA novamente muda sua chave e foca no Brasileirão. Com dois empates, em dois jogos, o desempenho tem sido criticado. As circunstâncias dos resultados, inclusive, fazem o time marujo ocupar a 17ª posição na Série B, já dentro da zona do rebaixamento.

Por outro lado, o Brusque já entrou em campo nas três primeiras rodadas, o desempenho tem oscilado. Após estrear vencendo o Guarani, por 1 a 0, o clube perdeu duas seguidas na condição de visitante. Os reveses contra Cruzeiro e Sampaio Corrêa também ligaram o alerta em Santa Catarina, já que o Bruscão encontra-se em 13º, com três pontos.


				
					No Z4 e ainda sem vencer na Série B, CSA visita o Brusque no interior de Santa Catarina
Após empatar com Ituano e Bahia, Azulão quer os primeiros três pontos. Ailton Cruz

CSA

A maratona do mês de abril tem cobrado forte do plantel. Após os duelos contra Bahia e Cruzeiro de Arapiraca, o Departamento Médico do clube ganhou novos integrantes. Primeiro, porque Anderson Martins sentiu contra o América-MG, assim como Wellington. Além disso, Mozart afirmou que o lateral-esquerdo Ernandes sentiu um desconforto.

No jogo contra o Cruzeiro, na Seletiva da Copa do Brasil, foi a vez de Willian sentir um incômodo e ser substituído logo no primeiro tempo. Desta forma, o CSA terá que se desdobrar para escalar a equipe titular. Sem poder repetir a escalação, especialmente na defesa, Werley e Diego Renan podem ganhar as vagas de Wellington e Ernandes, respectivamente.


				
					No Z4 e ainda sem vencer na Série B, CSA visita o Brusque no interior de Santa Catarina
Já em solo catarinenses, Ernandes treinou com bola, mas é dúvida. Morgana Oliveira

No ataque, Bruno Mezenga ganhará sequência, ainda buscando o seu primeiro gol com a camisa azulina. Quem tem agradado é Didira. Titular contra o América-MG e o Cruzeiro de Arapiraca, o jogador tem conseguido dar um balanço mais leve ao ataque azulino.

Apostando em uma nova formação, Mozart pode adiantar Gabriel ou deixá-lo como segundo volante. Assim, deve jogar com: Marcelo Carné; Cedric, Werley, Lucão e Ernandes (Diego Renan); Geovane, Gabriel e Lourenço; Osvaldo, Dalberto (Didira) e Bruno Mezenga.

Brusque

Se a semana do CSA foi desgastante, a do Brusque não ficou longe disso. Depois de atuar em São Luís, no Maranhão, e viajar mais de 3.000 Km de volta para o interior catarinense, o Quadricolor só teve um dia para treinamentos. Com pouco tempo, o técnico Waguinho Dias focou, especialmente, em um treino tático.


				
					No Z4 e ainda sem vencer na Série B, CSA visita o Brusque no interior de Santa Catarina
Grupo do Brusque teve pouco tempo para treinamentos. Jefferson Alves/Brusque FC

Além disso, o treinador tem um DM lotado. Segundo o último relatório médico do clube, dez atletas estão tratando lesões, sendo eles: Gabriel Taliari, Ianson, Crislan, Jordan, Wallace, Sandro, Alex Sandro, Airton, Bruno e Diego Jardel. Desses, apenas Diego, Jordan e Wallace devem ganhar disponibilidade para o embate.

Com uma dor de cabeça grande, Waguinho deve armar uma equipe diferente para pegar o CSA. O atual campeão do Catarinense deve jogar com: Ruan Carneiro; Toty (Pará), Jeferson Bahia, Éverton Alemão e Alex Ruan; Rodolfo Potiguar, Zé Mateus, Matheus Trindade (Luiz Antônio) e Jaílson (Diego Jardel); Júnior Todinho e Fernandinho.

Arbitragem

Rafael Martins de Sá (CBF/RJ) será o árbitro principal do confronto. Michael Correia (CBF/RJ) e Luiz Claudio Regazone (CBF/RJ) portarão as bandeirinhas. Célio Amorim (CBF/SC) é o quarto árbitro. O árbitro de vídeo (VAR) será Rodrigo Carvalhaes de Miranda (CBF/RJ), com assistência de Carlos Henrique Cardoso de Souza (CBF/RJ).

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X