Gramados que receberão o Campeonato Alagoano serão revitalizados por empresa internacional

Empresa escolhida para a revitalização já cuidou de gramados de copas do mundo

Para revitalizar e melhorar a condição dos campos que receberão o Campeonato Alagoano de 2022, a Federação Alagoana de Futebol (FAF) fechou a parceria com a internacional Greenleaf. A empresa cuidou de gramados da Copa do Mundo de 2014 - sediada no Brasil, e também está cuidando dos gramados de cinco das arenas que receberão os jogos da Copa do Mundo do Qatar. A mesma já é a responsável pela troca e manutenção dos gramados do Estádio Rei Pelé atualmente.

As obras terão início ainda nesta semana, quando a Greenleaf irá disponibilizar um profissional por cidade do interior para coordenar e orientar as obras. A empresa vai disponibilizar equipamentos de alta tecnologia para auxiliar os trabalhos.

Responsáveis pelas obras

Engenheiro agrônomo e responsável pelas modificações, Ricardo da Silva explica um pouco do procedimento adotado para a revitalização: “Já temos um panorama da atual situação dos campos de jogo. Será um trabalho que vai durar cerca de 20 dias. A primeira etapa contempla corte da grama em nível mais baixo, seguido de corte vertical e aplicação de areia corrigindo o nivelamento superficial do campo. Em seguida será feito a descompactação do solo melhorando a qualidade do gramado”.

Ricardo ainda fala que a primeira etapa não será suficiente e uma segunda fase irá acontecer para a melhoria total dos gramados: “Será aplicado fertilizantes nos gramados surtindo efeito em até cinco dias. Os gramados terão uma melhora considerável já a partir da primeira rodada do Campeonato Alagoano”.

A revitalização dos gramados será um trabalho em conjunto com os clubes e as prefeituras das cidades que administram os estádios. Ambos serão responsáveis por fornecer mão de obra capacitada e equipe de apoio para auxiliar a FAF e a Greenleaf nesta preparação.

Uma das cabeças do projeto é o presidente da Federação, Felipe Feijó. Para ele, a expectativa é imensa: “Foi uma missão árdua buscar esta parceria. Estamos contando com o apoio dos clubes para que possamos melhorar de uma vez por todas a qualidade dos gramados. Quem ganha com isso são os atletas e, principalmente, os torcedores que irão assistir aos jogos com mais qualidade. É um passo gigante do nosso futebol, que a cada ano evolui e mostra que somos uma das grandes potências do Nordeste”.