FeijoASA: Alvinegro comemora, neste domingo (25), seu aniversário de 70 anos

Com eventos especiais no Fumeirão e no Arapiraca Beach Tennis, Fantasma festeja a idade nova

Mais um grande clube do futebol alagoano está completando idade nova neste mês de setembro. Neste domingo (25), a Agremiação Sportiva Arapiraquense está comemorando o seu 70º aniversário. Fundando em 1952, o Gigante preparou uma programação especial para o torcedor festejar esta data tão importante, de uma vitoriosa história.

Inclusive, as festividades já começaram nesse sábado (24). Os adeptos alvinegros puderam participar de uma missa solene, na Concatedral Nossa Senhora do Bom Conselho, em alusão ao aniversário de 70 anos. Agora, a comemoração segue ao melhor estilo do Fantasma. Às 8 horas deste domingo (25), no Coaracy da Mata Fonseca, os sócios torcedores poderão participar de uma partida de futebol especial.

Logo depois, às 11 horas, no Arapiraca Beach Tennis, será realizada a famosa "FeijoASA". Aliás, com muitas atrações musicais, como a cantora Dona Flô, o cantor Filipe Silva, além da banda de pagode Nosso Lema. O evento ainda contará com sorteios de camisas.

Presidente do Fantasma há quase um ano, Higor Rafaell concedeu uma entrevista exclusiva para a Gazetaweb.com. O mandatário alvinegro é um torcedor declarado do clube, desde muito tempo. E contou sobre a responsabilidade de se dividir como dirigente e torcedor.

"É uma sensação indescritível comandar o clube de coração. Desde os três anos de idade eu acompanho os jogos do ASA, eu era trazido para o estádio pelo meu saudoso avô e pelo meu pai. E a responsabilidade é a maior possível. Além do ônus, de você comandar um clube da grandeza do ASA, você tem, por obrigação, de fazer uma boa gestão. Você é cobrado diariamente pelo que você faz. Você tem que se doar 110%, para que você venha a fazer uma excelente gestão", disse.

Relembrando os momentos nas arquibancadas, Higor contou sobre uma passagem especial, quando o Alvinegro conquistou o título do Campeonato Alagoano de 2000, em pleno Estádio Rei Pelé, contra o rival CSA. O mandatário ainda revelou uma situação inusitada, que quase o impediu de ver a conquista do clube. Naquela ocasião, o ASA voltou a ser campeão estadual após 47 anos.

Presidente Higor Rafaell falou dos planos e da grande temporada do Fantasma em 2022 - Foto: Arquivo Pessoal

"Momento mais marcante como torcedor foi acompanhar de perto o título [alagoano] de 2000. Eu ia com meu pai para Maceió, no carro dele. E, nas proximidades de Limoeiro de Anadia, o carro apresentou um defeito. E, na mesma hora, por sorte, vinha passando um ônibus, quando meu pai parou o ônibus e ele nos levou até Maceió. E ver o estádio cheio, tanto de azulinos, quanto de alvinegros, e ver o primeiro título do ASA foi o momento mais emocionante e marcante para mim", confessou.

O calendário do Fantasma na temporada acabou no mês passado, com a eliminação nas quartas. Apesar disso, para o dirigente, o ano foi muito positivo. Por isso, Higor Rafaell, fez uma convocação para os torcedores.

"Apesar de não termos conseguido os nossos objetivos, que foi o título do Alagoano e o acesso para a Série C, eu pontuo este ano de 2022 como um ano mágico e maravilhoso, logo nos 70 anos do clube. Então, a torcida tem que comprar essa nossa ideia, tem que participar do jogo festivo que estamos promovendo, a feijoada, onde vai ser um momento de confraternização, para que este ano positivo que a gente teve em 2022 possa ser celebrado", convocou o presidente.

Prestes a competir nas eleições para a diretoria executiva do clube, Rafaell fez um balanço sobre o seu período comandando o clube. Ao todo, ele soma dez meses no cargo e deve ser o nome para a reeleição, que acontece no próximo dia 7 de outubro.

Elenco alvinegro brilhou ao longo da temporada - Foto: Ailton Cruz

"Eu avalio como uma gestão bastante positiva. A gente tinha feito um planejamento para disputar com maestria as principais competições e, assim, fizemos. Montamos um time competitivo, que deu bastante dificuldades para adversários com folhas superiores à nossa. Eu não caí de paraquedas, eu me preparei para estar como presidente. E, assim, Deus me presenteou, me coroou e eu consegui, juntamente com a minha diretoria, superar obstáculos e fazer uma temporada onde o principal título foi o resgate da história e trazer o torcedor de volta ao estádio", pontuou.

O presidente colocou como objetivo um futuro de glórias para o Gigante. Inclusive, prevê que, nos próximos anos, o Fantasma estará de volta à Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo com as contas do time no vermelho, Higor Rafaell enalteceu a responsabilidade que é estar no comando e fez um agradecimento especial ao torcedor.

"Eu queria agradecer do fundo do coração, pelo apoio, incentivo que eu recebi desde o dia 13 de novembro de 2021, quando eu assumi, até hoje. A torcida me abraçou. Por mais que muitos outros achassem que eu seria apenas mais um na presidência, mas eu coloquei meu coração como torcedor, eu coloquei o ASA à frente de muitas coisas pessoais e profissionais. Foi um risco que eu corri, mas eu correria 20 vezes, se fosse preciso. Pode ter certeza, nação alvinegra, que anos de glória serão vividos pelo ASA nos próximos anos", concluiu.

Em 70 anos de história, Fantasma é o 3º maior campeão Alagoano e vem de duas conquistas da Copa AL - Foto: Ailton Cruz

O ASA comemora 70 anos tendo conquistando sete títulos do Campeonato Alagoano (1953, 2000, 2001, 2003, 2005, 2009 e 2011). Além disso, possui a melhor campanha de um time de Alagoas na Copa do Nordeste, sendo vice em 2013. Em 2009, conquistou o inédito acesso para a Série B, após ser vice-campeão da Série C, contra o América-MG.