De volta ao Galo, Victor Ramos teve passagem marcada por polêmicas e multas no salário

Atleta passou por problemas até mesmo em sua primeira passagem pela Pajuçara

Na noite dessa terça-feira (22) o CRB anunciou a chegada de mais um reforço para 2021, mas trata-se, na verdade, de um atleta que já é conhecido da torcida regatiana: o zagueiro Victor Ramos. Apesar do desempenho técnico e de ter passado por grandes equipes do futebol brasileiro, como Palmeiras e Vasco, o atleta tem um histórico ruim fora dos gramados.

Com a camisa do Regatas foram 24 jogos e um gol marcado em 2019. Com ele no elenco e como capitão do CRB, a equipe alagoana conseguiu sua melhor campanha na história da Série B. Na temporada, o Galo ficou no 7º lugar, com 55 pontos ganhos. Contudo, a campanha teve fases conturbadas, principalmente do zagueiro.

As polêmicas, inclusive, bateram à porta quando jogava pelo CRB. Na primeira ocasião, o jogador foi flagrado em um show, com muito álcool e pagode, logo após uma derrota do CRB para o Vitória, na Série B do mesmo ano. Em meio àquela controvérsia, Victor foi afastado por um curto período, e sofreu com uma multa de 20% em seu salário

Apesar do fato, Victor Ramos voltou à equipe e encerrou a boa campanha do CRB como capitão. Porém, não foi a última vez que o atleta se envolveu em algum tipo de polêmica dentro do Regatas.

Multa por atraso

Pouco mais de um mês depois após a situação da ida do atleta a um show, o CRB voltou a punir Victor Ramos, em setembro de 2019. O Galo se reapresentaria no CT do Ninho do Galo, para iniciar os preparativos para mais uma rodada da Série B, porém, o zagueiro não compareceu e pegou mal dentro das dependências do clube. Sendo assim, foi multado pela diretoria regatiana.

Zagueiro Victor Ramos teve duas grandes polêmicas em sua passagem pelo Ninho do Galo - Foto: Divulgação / CRB

A multa foi detalhada pelo até então presidente do CRB, Marcos Barbosa. No total, o atleta foi punido com 20% na sua carteira de trabalho e 10% no seu direito de imagem. Ainda assim, Victor Ramos seguiu no elenco do Galo até o final da temporada.

Confusão no Guarani

Pelo clube paulista, antes de chegar ao CRB, o zagueiro também se envolveu em uma pequena confusão no ano de 2019. Em um duelo onde a torcida do Guarani vaiou seus atletas, o jogador tomou as dores e fez sinais de "fala muito" para a torcida do Bugre. Um dia depois, veio a rescisão com o clube paulista.

Indisciplina no Vitória

Em 2016, o atleta jogava com a camisa do Vitória, clube que o revelou para o futebol. Porém, lá também houve burburinhos envolvendo o seu nome. Em setembro de 2016, o Vitória brigava contra o rebaixamento para a Série B, porém, novamente ele não compareceu ao CT do clube, onde fazia tratamento de uma lesão.

O não comparecimento nas dependências do clube culminou junto de fotos que foram divulgadas do atleta em um show em São Paulo. Com isso, a diretoria do Leão da Barra suspendeu o jogador por sete dias.

Caso Victor Ramos

No mesmo campeonato, o atleta ainda foi pivô de um caso bastante polêmico envolvendo o Vitória e o Internacional. Naquela temporada, o clube gaúcho terminou na 17ª posição, sendo rebaixado. Enquanto isso, o Vitória terminou em 16º lugar, dois pontos à frente do Colorado.

Victor Ramos foi envolvido em confusão entre Vitória e Internacional na Série A de 2016 - Foto: Francisco Galvão/EC Vitória/Divulgação

A questão veio à tona por conta do próprio Internacional, que acusou o clube baiano e o jogador de terem efetuado a transferência do atleta para o clube de forma irregular, pedindo assim, uma perda de pontos por parte do Vitória, que seria rebaixado em seu lugar. Apesar da grande polêmica na época, tanto o Vitória, quanto o jogador, foram absolvidos e as irregularidades não foram comprovadas.

Fora dos gramados

O ano de 2020 também não foi livre no currículo de polêmicas de Victor Ramos. O jogador chegou a receber um pedido de prisão, por conta de não pagamento de pensão alimentícia. Sua ex-esposa o processou e gerou mais esse desgaste na carreira do atleta, que na época estava sem clube.

Todavia, o jogador pagou a divida e o pedido de prisão foi revogado rapidamente, o livrando de uma polêmica ainda maior.

Novo Victor

Antes de voltar ao CRB, o atleta jogava no Botafogo de Ribeirão Preto, clube que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro em 2021. Quando chegou ao clube paulista, o jogador falou sobre seus erros e afirmou ser um novo Victor Ramos.

"Todo mundo tem erros e acertos, mas isso faz parte, sou um novo Victor, muito mais maduro, mais experiente, mais focado no que quero na minha vida, tanto pessoal quanto profissional. Temos que reconhecer nossos erros, saber os momentos de fazer cada coisa na vida. Tive alguns deslizes no passado, mas isso já passou", garantiu o atleta.

Victor Ramos é o novo reforço do CRB - Foto: Ascom/CRB

Agora de volta ao CRB, Victor Ramos chega com grandes chances de ser um dos zagueiros titulares da equipe, já que o Galo sofre com a defesa frágil na Série B. Livre de polêmicas e com o currículo de clubes invejável, Victor Ramos quer ajudar o Galo na disputa pelo acesso para a Série A de 2022.

O jogador passou por grandes clubes, como Vitória, Guarani, Goiás, Chapecoense, Vasco, Palmeiras e Monterrey do México.