CRB tem desvantagens sobre clubes do Z4, que serão próximos adversários

Equipe regatiana agora se prepara para enfrentar o Ituano, neste sábado (1), no Novelli Júnior, em Itu, às 18h30

O CRB tem sete partidas até o fim da Série B do Campeonato Brasileiro. Na 11ª colocação, o time regatiano acabou sofrendo uma derrota dolorosa, contra o Vila Nova, no último dia 22, por 1 a 0, fora de casa. A equipe agora se prepara para enfrentar o Ituano, neste sábado (1). A bola rola no Novelli Júnior, em Itu, às 18h30.

Com 40 pontos conquistados, o Galo da Praia precisa, primeiro, angariar os cinco que ainda faltam para evitar o rebaixamento e, aí sim, focar na parte de cima da tabela. Para isso, os sete últimos confrontos do Brasileirão são partidas chave.

Últimos confrontos da temporada

O CRB tem um retrospecto positivo, diante do próximo adversário, o Galo de Itu. São sete partidas disputadas na história, deixando a liderança de vitórias nas asas do Galo alagoano. São três triunfos do CRB, dois empates e duas vitórias para o Ituano. A partida do primeiro turno, realizada no dia 17 de junho, não agradou ninguém e foi finalizada em 1 a 1.

Após enfrentar o clube paulista, o Galo recebe no Rei Pelé, a Chapecoense, atual 15ª colocada da Segundona e que briga para não ser um dos quatro azarões que visitarão a Série C. Contra a Chape, o Regatas tem uma desvantagem histórica de apenas um jogo: são cinco partidas disputadas até hoje e, delas, três ficaram sob o controle da Chape e somente duas foram vencidas pelo Galo. Na primeira partida deste ano, o CRB viajou para Chapecó e venceu. A bola rolou na Arena Condá, no dia 21 de junho, e foi finalizada em 2 a 1, para o clube alagoano.

As últimas partidas do CRB, na Série B, serão contra Ituano, Chapecoense, Tombense, Guarani, Operário, Brusque e Bahia, respectivamente.

Desafio no Z4

Os clubes do Z4 costumam ser adversários difíceis de passar por cima, já que estão com fome de bola para deixar a berlinda. Quem já sofreu com a pressão dos aflitos foi o Regatas, que tem um retrospecto complicado contra os clubes que estão atualmente no Z4 e, que serão próximos adversários. O Operário venceu três dos cinco encontros, deixando dois deles empatados e duas vitórias para o CRB.

Contra o Brusque, foram três partidas no total, sendo uma vitória para cada lado e um empate, um histórico equilibrado.

A título de curiosidade, o CRB não venceu nenhum dos jogos disputados contra o Náutico, na Série B de 2022. No primeiro turno, a partida realizada nos Aflitos foi finalizada em 2 a 1 para o time da casa. Já em Alagoas, no duelo de volta, o Timbu venceu pelos mesmos 2 a 1, no Trapichão.

Contra o rival CSA, as duas partidas da Segundona foram finalizadas em empate - 0 a 0, no dia 1º de junho, e 1 a 1, no dia 10 de setembro.