Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

CRB perde de virada para o Novorizontino e segue na lanterna da Série B: 3 a 1

Galo segue sem vencer na competição; enquanto time comandado por ex-técnico regatiano Alla All consegue sua primeira vitória no ano

Em jogo atrasado da 1ª rodada da Série B do Brasileiro, o CRB se deu mal mais uma vez na competição e, depois de estar vencendo, deixou acontecer a virada do Novorizontino (comandado por Allan Aal, ex-técnico regatiano) e perdeu por 3 a 1. A partida foi disputada na noite desta quarta-feira (4), no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte-SP.

Os gols do embate foram marcados por Fabinho, para o CRB, na etapa inicial, e por Danielzinho, Iago Mendonça (contra) e Douglas Baggio, para o Novorizontino, um no primeiro e dois no segundo tempo da partida. Detalhe: o Novorizontino não vencia um jogo desde novembro.

Leia também

Com este resultado, o Galo segue sem vencer na Segundona, soma apenas um ponto e segue na última posição (lanterna) na tabela. Enquanto o Tigre vai saindo da zona de rebaixamento, ficando provisoriamente como 12º colocado, com 6 pontos. Clique aqui para ver o Tempo Real

O próximo confronto do CRB pela Série B será na segunda-feira (09), no Rei Pelé, onde receberá o Sampaio Correa, às 20 horas. Já o Novorizontino, pega o Ituano, dois dia antes, no sábado (07), no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte-SP, às 19 horas. Os dois jogos serão pela 6ª rodada da competição.


				
					CRB perde de virada para o Novorizontino e segue na lanterna da Série B: 3 a 1
Galo estava irreconhecível na partida e acabou sendo 'engolido' pelo Tigre. Guilherme Videira/Novorizontino

1º Tempo

O CRB começou indo para cima do time paulista, mas da marcação não passava. O jogo em seu início era truncado. A primeira tentativa foi do Novorizontino: Quirino fez o pivô para Danielzinho, que arrancou livre no meio de campo e arriscou da intermediária, mas o chute saiu fraco, aos 2 minutos. E assim seguiu até antes dos 10 minutos, sem ninguém finalizar com perigo.

Aos 9', outra tentativa foi do Tigre. Lucas Tocantins recebeu a pelota de Willean Lepo, dominou e arriscou o chute colocado, mas viu Diogo Silva fazer a defesa no meio do gol, sem problemas. Se o time paulista não fez, o gol mesmo chegou foi para o CRB. Aos 11min, Anselmo Ramon recebeu na entrada da área, lançou a Richard que arriscou o chute. No rebote, Fabinho mandou na segunda trave e guardou: 1 a 0.

Com a desvantagem no placar, o Novorizontino passou a pressionar, a buscar o gol de empate. Mas quem chegou foi o Galo, quando Richard mandou pelo lado direito, arriscando o chute, mas não foi tão boa a batida e ele perdeu a chance do segundo gol, aos 18 minutos. E o jogo seguia equilibrado, passando já dos 20 minutos.

Passando dos 20 minutos, o CRB ficava mais com a bola, se postava mais no campo de defesa e esperava uma chance para contra atacar e finalizar. Galo era melhor nesse momento da partida. Aos 22min, Danielzinho cobrou uma falta, mandando na cabeça de Ligger, este desviou e assustou o goleiro Diogo Silva, mas o lance deu em nada, pois a pelota foi para fora.

Chegando aos 25 minutos, o time paulista trocava passes rondando uma 'brecha' da marcação do Galo e, aos 26min, em uma tentativa, Quirino recebeu a bola de costas para o gol, girou e chutou forte, mas a pelota bateu na defesa regatiana, que afastou o perigo. Chegando aos 30 minutos já tinham saído quatro escanteios para o time paulista e nenhum para o Galo.

O Novorizontino ia mais ao campo de defesa do Regatas, que, depois do gol, não ia mais para cima do adversário, tinha umas saídas esquisitas, entregava a posse de bola e o Tigre se aproveitava e chegava mais. Em uma dessas chegadas, exatamente aos 30', Lucas Tocantins tentou cruzar na primeira trave, mas defesa do CRB afastou. A pressão seguia por parte do time paulista.

E o que já era esperado aconteceu, diante da pressão do time paulista: o gol de empate. Aos 36 minutos, Danielzinho mandou para o fundo da rede. Isso depois de Quirino arriscar o chute, da entrada da área e a bola desviar na defesa do CRB. Ele fez só bater de primeira, uma bomba, após a sobra, e igualar o marcador: 1 a 1.

O duelo passava dos 40 minutos e o que se via era que o CRB continuava deixando a desejar. Depois dos 20 minutos, parecia que o time de Cabo tinha sofrido um apagão na partida. Aos 45 minutos, o Galo teve o seu primeiro escanteio. Raul Prata cobrou, mas a defesa do Novorizontino afastou. E, sem muito o que demorar, o árbitro deu apenas um minuto de acréscimo, encerrando aos 46' a primeira etapa.


				
					CRB perde de virada para o Novorizontino e segue na lanterna da Série B: 3 a 1
Olha a comemoração dos jogadores do Novorizontino, em mais um gol da equipe. Gustavo Ribeiro/Novorizontino

2º Tempo

Logo aos 2 minutos quem assustou foi o CRB. Richard cobrou a falta rasteira que passou com perigo no gol de Giovanni. O Novorizontino assustou, chegando perigosamente, aos 10 minutos, mas a bola foi pela linha de fundo e Guilherme Romão, atento, só fez a proteção.

Chegando aos 15 minutos, o Novorizontino continuava em cima do Galo, com destaque para Danielzinho que estava jogando o 'fino da bola', dando trabalho à defesa regatiana. E eis que, aos 19 minutos veio a virada do time paulista. Após a cobrança de um escanteio, Iago Mendonça, que tinha acabo de entrar no Galo, foi desviar a bola e acabou mandando para a própria rede: 2 a 1.

Se o CRB já não estava bem coim o empate, imagine após a virada do Novorizontino. O duelo chegava aos 30 minutos e o Galo estava encurralado no campo de defesa. O time simplesmente não conseguia trocar passe nem sair do seu campo. A essa altura da partida, os dois treinadores tinham feito substituições em suas equipes.

Aos 37 minutos, em uma tentativa do CRB, que foi em busca do caminho para o gol, mas não conseguiu, pois o Novorizontino exercia forte marcação. Os números em favor do Tigre eram alarmantes: 16 chutes a gol, enquanto para o CRB foram apenas 6. Desde o gol contra de Iago Mendonça, o Galo não conseguia reagir.

Como quem não faz, leva, o CRB levou o seu terceiro gol. Foi aos 45 minutos. Douglas Baggio fez um golaço na partida, ampliando para 3 a 1. Ele recebeu a pelota em velocidade, pelo lado direito, limpou para o meio e chutou no ângulo do goleiro Diogo Silva, sacramentando a vitória do time paulista.

O árbitro deu 5 minutos de acréscimos e o CRB, abatido, não conseguiu superar o adversário, coisa que, aliás, não fez ao longo de toda a partida. E, aos 50 minutos, o jogo foi encerrado com a vitória do Novorizontino, ironicamente comandado pelo ex-técnico regatiano, Allan All.


				
					CRB perde de virada para o Novorizontino e segue na lanterna da Série B: 3 a 1
Momento de Novorizontino x CRB, jogo em que o Galo foi apático e deixou muito a desejar. Guilherme Videira/Novorizontino

Ficha Técnica

Novorizontino - Giovanni; Felipe Albuquerque, Rodolfo Filemon, Ligger e Romário; Jhony Douglas, Gustavo Bochecha e Danielzinho; Willean Lepo, Lucas Tocantins e Quirino. Técnico: Allan Aal.

CRB - Diogo Silva; Raul Prata, Gum, Wellington Carvalho e Guilherme Romão; Marthã, Yago e Reginaldo; Fabinho, Richard e Anselmo Ramon. Técnico: Marcelo Cabo.

Árbitro - Paulo Henrique Schleich Volkopf (CBF/MS).

Assistentes - Eduardo Gonçalves da Cruz (CBF/MS) e Leandro dos Santos Ruberdo (CBF/MS).

4° árbitro - Matheus Delgado Candançan (CBF/SP).

Árbitro de vídeo (VAR) - Pathrice Wallace Corrêa Maia (CBF/RJ).

Observador do VAR - Gilberto Corrales (CBF/SP).

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X