CRB deve ter time completo para o jogo de volta da decisão do Campeonato Alagoano

Técnico Roberto Fernandes tem grandes chances de ter a base titular à sua disposição para enfrentar o CSA neste sábado (22)

O CRB segue buscando aproveitar todos os segundos possíveis nesta semana de preparação para encarar o Clássico das Multidões que decidirá o Campeonato Alagoano. Na luta pelo bicampeonato e, também, pelo 32º título estadual, o Galo vive um bom panorama para o jogo de volta da final contra o CSA, no sábado (22).

Diferentemente do que foi comum no Galo ao decorrer desta temporada, o técnico Roberto Fernandes deve ter a base titular e um pouco mais para enfrentar os azulinos neste fim de semana.

A situação que mais preocupava era a do zagueiro Wesley Frazan, que deixou o gramado no segundo tempo do primeiro jogo da decisão ao sentir a coxa direita, dando lugar a Ewerton Páscoa. O defensor, que compõe a zaga titular com o capitão Gum, ficou sob a observação do Departamento Médico, mas deve estar disponível para ajudar o Regatas nos 90 minutos que decidem a competição neste ano.

Por outro lado, o Galo terá o retorno do lateral direito Luca Caio. O defensor havia levado o terceiro cartão amarelo antes de entrar em campo na vitória sobre o Aliança por 2 a 1, no segundo jogo da semifinal, ainda no banco de reservas. Com isso, Roberto Fernandes volta a ter uma opção na ala, caso precise substituir o titular Reginaldo Lopes.

O único desfalque certo já é conhecido: o zagueiro Diego Ivo. O defensor, que vinha atuando nos 11 iniciais, passou por um procedimento cirúrgico no mês passado, após sofrer uma grave lesão e não deve jogar mais neste ano.

Retorno

Após ficar quase oito meses afastado dos gramados, o atacante Erik teve um momento de superação no primeiro jogo da final. O avançado, que sofreu uma ruptura de ligamento cruzado do joelho direito e passou por cirurgia no segundo semestre do ano passado, voltou a atuar com a camisa regatiana no primeiro jogo da final.

Assim, o ponta se transforma em mais uma peça no setor ofensivo e pode ser utilizado pelo técnico regatiano na partida decisiva.

Luca Caio retorna após cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo - Foto: Francisco Cedrim

Na segunda partida da decisão do Alagoano, o Regatas, para conquistar o título, precisa apenas de uma vitória simples, uma vez que o jogo de ida terminou em um empate sem gols. Caso aconteça uma nova igualdade, o campeão será definido após cobranças de pênaltis.