ASA perde a segunda consecutiva e sai do G4 na Série C

Voltando a atuar longe de casa, no Almeidão, Fantasma de Alagoas é derrotado por 2x0 pelo Botafogo-PB

Após perder a invencibilidade há uma semana, o ASA sofreu nova derrota neste domingo e que o retirou do G4 do grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. Atuando pela segunda vez consecutiva fora de casa, agora, perdeu para o Botafogo-PB por 2x0, atuando no Estádio Almeidão, em João Pessoa. Este resultado faz com que o time alvinegro arapiraquense caia do terceiro para o quinto lugar, enquanto que o Belo assumiu provisoriamente a liderança desta mesma chave.
Os gols foram assinalados pelo volante Sapé, no 1º tempo, e pelo atacante Rodrigo Silva, no 2º. Este resultado faz com que o Botafogo-PB chegue a 15 pontos, enquanto que o ASA estaciona nos 12 e perde a quarta posição para o Salgueiro, que, embora também tenha sido derrotado neste domingo (1x0 para o River), está com um gol de saldo - o Fantasma de Alagoas tem saldo zero.
Agora, o ASA vai voltar a se encontrar com seu torcedor no próximo sábado (16), quando recebe a visita do ABC, em jogo marcado para as 19h. O Bota-PB, por sua vez, vai sair para enfrentar o Fortaleza, no domingo (17), também às 19h.
Como foi
Um time apático, que aceitou a marcação adversária e foi lento na subida ao ataque, perdendo em força ofensiva a partir da segunda metade tempo final. Assim foi o ASA, envolvido pelo Bota-PB assim que a partida começou, pois, logo aos 2 minutos, o Belo conseguiu escanteio e, na cobrança, por muito pouco o zagueiro Plínio não abriu o placar, já que a bola passou muito perto da meta.
E o gol de abertura do placar foi de forma despretensiosa. O volante Sapé avançou sem sofrer marcação a resolveu arriscar de fora da área. A bola bateu no poste direito e, na volta, acertou o corpo do goleiro Thiago Braga antes de entrar.
A primeira finalização do ASA em gol só veio aos 44 minutos, com o meia João Paulo. Porém, a bola desviou na zaga do Bota-PB e chegou fácil às mãos do goleiro Michel Alves.
Assim que começou o 2º tempo, o Botafogo teve grande oportunidade para ampliar o placar. Aos 6 minutos, o atacante Danielzinho invadiu a área e o goleiro Thiago Braga, ao sair atrasado para fazer a defesa, acabou tocando faltosamente no atleta botafoguense: pênalti. Na cobrança, o também atacante Rodrigo Silva foi para a cobrança, mas o arqueiro do Fantasma se redimiu ao defender com os pés, desviando a bola para escanteio. 
Esta foi a principal jogada do ASA na partida, que promoveu a estreia do meia-atacante Guilherme Moreira, que esteve apático como o restante do time.
Se perdeu o pênalti aos 8 minutos, aos 40, Rodrigo Silva se redimiu ao escorar de cabeça cobrança de falta para fazer 2x0 e confirmar a vitória do Botafogo-PB: 2x0. E já nos acréscimos, o ASA tentou fazer o gol de honra, em duas arrancadas do lateral-esquerdo Igor - que, no decorrer do 2º tempo, substituiu Gilmar -, mas a defesa botafoguense cortou em ambas as oportunidades.