ASA derrota o Penedense e garante classificação ao hexagonal do Alagoano: 3x1

Já time ribeirinho vê passagem à segunda fase do estadual cada vez mais distante

O ASA venceu o Penedense, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, na noite desta quarta-feira (2), e garantiu a sua classificação à segunda fase do Campeonato Alagoano. O jogo entre o Alvinegro e o Alvirrubro de Penedo terminou com o placar de 3 a 1 para o time da casa. Os gols do Fantasma foram marcados por Chiquinho, Maycon e Klenisson. Já o time alvirrubro diminuiu com Lucão.
Após a derrota sofrida no clássico contra o CRB no último domingo (28), a equipe arapiraquense precisava vencer para selar de uma vez por todas a sua classificação, e de forma antecipada. Já o Penedense - que praticamente deu adeus às chances de classificação - entrou em campo ainda a perseguir a terceira colocação do grupo B do Alagoano, a fim de avançar à segunda fase.
E o confronto ganhou ares de tensão após a escalação do árbitro Francisco Carlos Nascimento para o duelo, em virtude de polêmica envolvendo direção alvinegra e comissão de arbitragem. Porém, dentro do campo, a atuação do árbitro passou despercebida, em meio à convincente vitória do ASA diante de seu torcedor.
O jogo
O primeiro tempo da partida foi dominado pelo time da casa. A equipe de Arapiraca não sofreu nenhuma ameça de gol durante toda a etapa inicial. E o Fantasma nem precisou se esforçar muito para abrir o placar. Aos 20 minutos, em cobrança de falta, o lateral-esquerdo Chiquinho foi para a bola e marcou um belo gol.
Pelo Penedense, sobrou irritação e nervosismo, pois, Marcos Bala e Rodrigo, companheiros de time, chegaram a bater boca dentro do gramado, o que acabou por externar a má fase do time ribeirinho - que sofre com salários atrasados - na competição.
Na volta para o segundo tempo, o ASA voltou mais disposto a impor seu ritmo. Logo aos 2 minutos, Maycon recebeu na área e desperdiçou boa chance. Ele chutou no canto do goleiro Manoel e quase ampliou a vantagem alvinegra. 

Chiquinho marca um dos gols do ASA contra o Penedense, em Arapiraca - Foto: FOTO: Assessoria / ASA

A resposta do Penedense veio cinco minutos depois, aos sete, quando Lucão deu um bonito passe para Diego Renato empatar a partida. Porém, um minuto depois, Maycon foi derrubado na área e o árbitro Chicão marcou pênalti. Na cobrança, Everton Heleno chutou e o goleiro Manoel defendeu.
A partir daí, o segundo tento do ASA passou a amadurecer. Aos 21 minutos, Maycon recebeu cruzamento de Everton Heleno e ampliou o marcador no Coaracy da Mata Fonseca. Por fim, já aos 38, Klenisson recebou passe de Rafael e aumentou a vantagem do Gigante na partida.