De olho na parte de cima da tabela, CRB pega o Botafogo-SP no Rei Pelé

Galo tenta manter boa fase jogando dentro de casa para alcançar o Top 10 da classificação da Série B

Sem tempo para descanso, a Série B tem sequência neste fim de semana. E o CRB, que vive uma grande fase jogando dentro de casa, tem mais um compromisso no Trapichão, desta vez enfrentando o Botafogo de Ribeirão Preto, pela 22ª rodada da Segundona, neste sábado (5). A bola rola às 17 horas, e pode valer um lugar na parte de cima da tabela.

Como chegam?

O Galo tem mais uma oportunidade para ficar entre os dez melhores da Série B. Após vencer o Atlético-GO, por 2 a 1, o CRB segue em 12º lugar, com 27 pontos, mas três pontos atrás do Ceará, que é o 10º. Ou seja, se vencer, Ceará perder e Atlético-GO empatar, o time regatiano entra no grupo dos melhores.

Quem está no Top 10 é o próprio Botafogo. Apesar de atravessar uma fase de oscilação, o Pantera segue na nona colocação, com 31 pontos, e não pode ser alcançado pelo Galo, ao menos nesta rodada. São duas derrotas e um empate nas últimas cinco rodadas. No confronto da rodada passada, apenas empatou, por 0 a 0, com o Sampaio Corrêa.

Ausência de Anselmo é problema no Galo - Foto: Ailton Cruz

CRB

O momento não é perfeito, já que o CRB fez seis pontos de 15 possíveis. Entretanto, dentro de casa não há do que reclamar. Sob o comando de Daniel Paulista, o time está invicto jogando no Rei Pelé.

E o técnico regatiano vai precisar se ajustar bem para enfrentar o Botafogo-SP. Ainda com problemas na zaga, a defesa deve sofrer modificações, mais uma vez, com Anderson Conceição entrando no lugar de Matheus Mega. Conceição cumpriu suspensão na rodada passada e volta a estar disponível.

Fora isso, Saimon e Fábio Alemão possivelmente ficarão um tempo maior fora dos gramados. Com isso, surge a chance para o recém-contratado Ramon Menezes ser relacionado pela primeira vez. Léo Pereira é mais um que volta, mas fica no banco de reservas.

Fábio Alemão está de volta ao CRB - Foto: Ailton Cruz

E por falar em banco, uma novidade pode ser Mike. O atacante se machucou há algumas semanas, mas treinou com bola e está perto de retornar.

A provável escalação regatiana tem: Diogo Silva; Hereda, Anderson Conceição, Gum e Guilherme Romão; Falcão, Juninho Valoura, Lucas Lima e João Paulo; Renato e Anselmo Ramon.

BOTAFOGO-SP

O Bota teve um início promissor na Segundona, mas veio caindo gradativamente e estancou no meio da tabela de classificação. Com o ex-regatiano Marcelo Chamusca no comando, o time ainda não deslanchou.

E, para jogar em Maceió, mais problemas para o técnico. Os zagueiros titulares, Lucas Dias e Márcio Silva, não viajaram com a delegação, pois estão suspensos. Assim, Diogo Silva, Ericson e Luís Felipe brigam como os prováveis substitutos. Fora isso, o volante Tárik também está suspenso. Seu substituto deve ser Carlos Manuel.

Tárik é desfalque certo no Botafogo - Foto: João Victor Cristovão/Agência Botafogo

João Veras, que estava na transição, também, não deve retornar. Mantuan ainda está lesionado e ficará fora por mais tempo. Juanpa Martínez, que chegou nesta janela, é dúvida.

O Botafogo deve enfrentar o CRB com: Matheus Albino; Thassio, Diogo Silva, Ericson (Luís Felipe) e Patrick Brey; Carlos Manuel (Ivonei), Guilherme Madruga e Osman; Édson Carioca, Luiz Henrique e Salatiel.

Arbitragem

Marielson Alves Silva (CBF/BA) apita o confronto no Rei Pelé. Seus assistentes são Alessandro Alvaro Rocha de Matos (CBF/BA) e Patricia dos Reis do Nascimento (CBF/BA). À beira do campo, o quarto árbitro é Jonata de Souza Gouveia (CBF/AL).

No VAR, os integrantes são Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (VAR-Fifa/RN), como árbitro de vídeo principal. E Flávio Gomes Barroca (CBF/RN), como assistente.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p