CSA confirma favoritismo, vence Miguelense e avança na Copa AL: 3x0

Azulão utiliza jogadores da base e vai enfrentar o Coruripe nas quartas de final

O CSA, enfim, garantiu a classificação para o mata-mata da Copa Alagoas. Na tarde deste sábado (18), no Estádio Nelson Peixoto Feijóo, em Maceió, o Azulão superou o Miguelense pelo placar de 3 a 0 e fechou a fase de grupos dentro do G4 do Grupo B. A partida marcou o fim da fase de grupos da competição.

O resultado foi extremamente importante, pois o time azulino saltou para o 3º lugar do seu grupo. O CSA encerra esta fase com sete pontos e vai enfrentar o Coruripe nas quartas, no Gerson Amaral. Já o Miguelense está eliminado do torneio, com a segunda pior campanha. O Mutum ficou em sexto no Grupo A, com três pontos.

Com isso, finalmente as chaves do mata-mata da Copa Alagoas foram definidas. No lado do Grupo A teremos Zumbi x Cruzeiro e CSE x Murici. No Grupo B, além de Azulão x Hulk, teremos ASA x CEO.

Azulão terminou em terceiro no Grupo B da Copa Alagoas - Foto: Morgana Oliveira | CSA

PRIMEIRO TEMPO

O Azulão foi ao campo com uma equipe formada por atletas da base e alguns jogadores pouco utilizados por Bergantin. Mas nem por isso o favoritismo diminuiu. Inclusive, o CSA começou apertando o Mutum no campo de defesa. Contudo, demorou um pouco até conseguir finalizar na direção do gol de Maykon.

Mas a primeira boa chance foi do Miguelense, que chegou em velocidade com Lucas Lopes, aos 10min. O meia chegou na área e teve tudo para finalizar, mas vacilou. O Azulão respondeu aos 14min. Em cobrança de falta difícil, Thiaguinho tentou direto e Maykon tirou de soco.

Com 22min, finalmente uma chance perigosa para o CSA. Em cobrança de escanteio pela direita, Thales apareceu firme no alto e cabeceou no chão, mas Maykon fez boa defesa. Com 23min, na resposta, Tássio também testou de cabeça, porém, errou a direção.

CSA encontrou dificuldades na primeira etapa e Mutum criou boas chances - Foto: Morgana Oliveira | CSA

Enquanto o duelo parecia cair de produção, veio uma chance dourada para os azulinos. Na primeira falha do Mutum, Thiaguinho avançou forte até a área e tocou para Luis Felipe, sozinho na área. Mas o atacante acabou sendo displicente e chutou para fora, aos 28min.

Com 31min, foi a vez do Miguelense. Em uma falha grotesca entre a defesa e o goleiro, Edson roubou muito bem a bola e venceu o goleiro. Contudo, na finalização, Cedric chegou no momento certo e tirou quase em cima da linha.

O lance serviu para acordar o Azulão, que finalmente chegou ao gol na sequência. Em jogada pela esquerda, a bola bateu e rebateu na defesa. A sobra ficou com Dedé, que mandou uma bomba na parte alta do gol: 1 a 0, aos 33min.

O placar aberto trouxe tranquilidade para o Azulão, que controlou mais o jogo. Com 42min, Luís Felipe teve mais uma chance cara a cara, mas Maykon defendeu de novo. Mesmo assim, o primeiro tempo não foi um primor de futebol, e chegou ao fim com a vantagem azulina.

CSA foi para o intervalo com a vantagem - Foto: Morgana Oliveira | CSA

SEGUNDO TEMPO

O Miguelense veio disposto para buscar o empate. Logo em 4min, em uma linda cobrança de falta, Iure Barros chutou direto e Paulo Ricardo fez uma boa defesa. Com 11min, em uma falha de Thales, Wedley recuperou a bola e mandou um foguete, que assustou.

Com 14 minutos, o CSA chegou pela primeira vez. Cedric lançou para Thiagunho, que fez uma linda jogada individual e invadiu a área. O atacante driblou bem, mas acabou finalizando direto na trave.

Todavia, estava difícil sair o segundo gol. Enquanto isso, a defesa dava seus vacilos. Em mais uma perda de bola perto da área, aos 25min, Wedley roubou e arriscou com um chute no canto, que passou perto.

Ritmo ficou muito fraco na segunda etapa - Foto: Morgana Oliveira | CSA

A situação ruim do Miguelense, contudo, conseguiu piorar. Em lance de contra-ataque aos 31min, Wenderson avançou em alta velocidade, mas foi parado por Victor, com um carrinho. Como o volante já tinha amarelo, acabou sendo expulso.

Para o CSA, as coisas só melhoraram. Logo na primeira oportunidade após a expulsão, João Victor avançou até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Thiaguinho, que não teve dificuldades para mandar para o gol, aos 34min: 2 a 0.

Com o placar praticamente definido, o Azulão só controlou a posse nos minutos finais. E a estratégia deu certo. Numa falha da defesa alviverde aos 40min, Elvis roubou a bola e tocou no cantinho para abrir 3 a 0 e encerrar a contagem.

CSA se preparará para o mata-mata e Miguelense para 2ª Divisão - Foto: Morgana Oliveira | CSA

FICHA TÉCNICA

CSA - Paulo Ricardo; Cedric (Wenderson), Thales, Lucas Ryan e Jefinho; João Victor, Almir Luan, Pedrinho (Elvis) e Dedé (Vitão); Luís Felipe e Thiaguinho. Técnico: Vinícius Bergantin.

Miguelense - Maykon; Josuel, Lucas Lima, Tássio (Lucas Lopes) e Iure Teles; Victor, Ailto e Matheus Henrique; Danilo, Edson e Wedley. Técnico: Elias Alves

Gols - Dedé (CSA - 33'/1T), Thiaguinho (CSA - 34'/2T), Elvis (CSA - 40'/2T)

Cartões amarelos - Victor (Miguelense)

Cartões vermelhos - Victor (Miguelense)

Árbitro - João Pedro da Silva Braga (FAF)

Assistentes - Aldrin Freire Costa Matias (FAF) e Maria de Fatima Mendonca da Trindade (FAF)

Quarto árbitro - Adrian da Silva Santos (FAF)

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p