Confiante, CSA decide vaga contra o Parnahyba no Rei Pelé

Vitória azulina confirma o time como primeiro colocado no grupo A6 da Série D; Azulão também pode avançar com empate

O CSA encara o Parnahyba, na noite deste domingo (17), no Estádio Rei Pelé, pela última e decisiva rodada da fase de classificação da Série D. A equipe azulina vai entrar em campo às 18h e, com um simples empate, pode confirmar sua classificação para a fase de mata-mata, com o portal Gazetaweb acompanhando todos os lances da partida em tempo real.
Com a vitória diante do lanterna e já eliminado Guarani de Juazeiro no último domingo (10), o time azulino confirmou a liderança isolada no grupo A6, com 10 pontos conquistados, dois a mais que Parnahyba e Central, retornando à Maceió com a certeza de que está muito próximo de seguir adiante no Brasileiro. 
É que o Azulão pode avançar até com um simples empate - neste caso, porém, estaria ameaçado de perder a condição de líder de seu grupo. Vencendo, garante a vaga como 1º colocado. 
Já em caso de derrota, o time do Mutange terá de torcer para que o Guarani-CE ao menos empate contra o Central, ainda neste domingo, em Caruaru, com o torcedor azulino a pesquisar os resultados de outros confrontos - são 17 chaves, totalizando 68 equipes participantes.
Portanto, em caso de empate, o CSA também pode avançar entre os 15 melhores segundos colocados, conforme o regulamento da competição. Neste cenário, garantiria a classificação como vice-líder se o Central vencer seu jogo com um placar elástico, superando o Azulão no saldo de gols.
Para esta partida, o técnico azulino Oliveira Canindé já poderá contar com seus mais novos reforços: os meias Didira e Washington, que foram regularizados junto à CBF na sexta-feira (15). Didira, porém, não foi relacionado, assim como o goleiro Pantera, que ainda não ganhou condição de jogo. No caso do primeiro, o motivo é que o jogador está com suspeita de chikungunya.

Jeferson Maranhense volta à equipe após cumprir suspensão - Foto: FOTO: Assessoria do CSA

Além deles, Kattê, outro meio-campista, saiu do departamento médico e também está à disposição. Outro que disputa posição é o atacante Jeferson Maranhense, que volta de suspensão automática, além de Marcelo Nicácio, que também pode começar "de primeira".
Por outro lado, o zagueiro Leandro Souza e o lateral-esquerdo Rafinha, suspensos, estão fora do jogo. Em seus lugares, Canindé já confirmou Leandro Cardoso e Rayro, respectivamente.
Já o Parnahyba, terceiro colocado no grupo A6 da competição, com 8 pontos, veio à capital alagoana para o tudo ou nada. O time do técnico Fernando Tonet - que também pode se classificar com um empate, a depender de combinação de resultados - não poderá contar com o atacante Fabiano, que cumpre suspensão automática. Puxinha deve ser a opção para o setor ofensivo do Tubarão.
Prováveis escalações:
CSA: Jeferson; Denilson, Leandro Cardoso, Douglas Marques e Rayro; Panda, Everton Heleno, Cleyton e Bismarck (Washington); Jeferson Maranhense (Marcelo Nicácio) e Jônatas Obina.
Parnahyba: Fábio; Tiago Granja, Gilmar Bahia, Marcos Gasolina e Rian; Márcio Tarrafa, Luciano, Capela e Idelvando; Augusto e Puxinha.
MURICI
E quem também estará em campo neste domingo, só que pelo grupo A9 da Série D, é o Murici, que depende apenas de si para avançar à fase de mata-mata do Brasileiro. Às 18h, o desafio será contra o Campinense-PB, em Campina Grande, com o time alviverde precisando vencer para se classificar sem depender de nenhum outro resultado.
No primeiro confronto entre as equipes, o Murici levou a melhor, vencendo por 1x0 no José Gomes da Costa. O time de Murici é o 2º colocado, com oito pontos, atrás do Fluminense de Feira-BA pelo saldo de gols. Já o rubro-negro paraibano é 3º, com sete pontos, quatro a mais do que o já eliminado Sergipe.
Provável time do Murici: Dias; Van Bastem, Cláudio, Rodrigão e Thalisson; Rambo, Diego Renato, Johnnattan e Léo Gonçalves; Wellington e Tarcísio.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p