Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > diversão & variedades > TV E CELEBRIDADES

Preta Gil sobre contaminação por coronavírus: "O pior é o preconceito que rola"

Cantora contraiu o Covid-19 ao ir a um casamento em que estavam outras famosas infectas pelo vírus como Gabriela Pugliesi e Fernanda Paes Leme

Preta Gil falou com os fãs sobre a contaminação por coronavírus. A cantora está há oito dias isolada em sua casa.

"Acho que me contaminei no sábado e os primeiros sintomas começaram a aparecer na madrugada da quarta-feira em um evento que eu fui cantar. Estava trabalhando e acabei pegando de alguém que estava lá", conta ela, que cantou em um casamento em que outras famosos que contraíram corona esavam como Gabriela Pugliesi e Fernanda Paes Leme.

Leia também

Segundo Preta, pior do que os sintomas físicos foi lidar com o preconceito que quem tem o vírus sofre. Os sintomas não são iguais. Em mim não Eu não tenho amídalas, então a dor na garganta era como se fosse uma irritação, mas passou e foi um dia só. O pior do vírus é o que a gente não sabe, o medo, a incerteza e o preconceito que rola."

Se sentindo bem melhor, Preta diz que após o confinamento talvez tenha que fazer exames. "O médico disse que que não precise fazer outro teste. Talvez no final do meu isolamento eu precise fazer exames complementares para ver como está o meu pulmão e o meu organismo", explica.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas