Palmeiras sofre no fim, mas vence o Ceará no Castelão

Com a vitória, Verdão se mantém na cola do Flamengo na briga pela vice-liderança, porém, com três jogos a mais

Em partida válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras venceu o Ceará por 2 x 1, encerrando um jejum que já durava 24 anos: desde 1997, o Verdão não conseguia vencer o Vozão fora de casa. Os gols da vitória foram marcados por Zé Rafael e Deyverson. Cléber diminuiu para o Vozão.

O triunfo mantém o Palmeiras na cola do Flamengo, na luta pela vice-liderança do Brasileiro. Ambos têm, agora 46 pontos, 10 atrás do Galo, no entanto, o Rubro-Negro tem três jogos a menos que os paulistas.

O primeiro tempo foi sem grandes emoções, com o Ceará ensaiando se impor no jogo em momentos, enquanto o Palmeiras se posicionou no contra-ataque, principalmente com Rony.

Quando o 0 x 0 parecia definido para o intervalo, Zé Rafael cobrou uma senhora falta, sem chances de defesa para Richard, e abriu o placar no Castelão para o Palmeiras.

Na volta do intervalo, o Palmeiras chegou a ampliar, após Felipe Melo lançar Rony na direita. O camisa 7 tocou para Luiz Adriano, que marcou o gol. No entanto, a jogada foi anulada, pois Rony estava em posição ilegal.

Aos 26, no entanto, o Palmeiras conseguiu o segundo. Scarpa recebeu belo lançamento pela direita e cruzou na medida para Deyverson, que havia acabado de entrar, para tirar do goleiro e ampliar para o Verdão.

Quando a conta parecia encerrada, Cléber diminuiu para o Ceará aos 40. Erick fez jogada pela direita e tocou para Jorginho na entrada da área. O meia ajeitou para Cléber mais para a direita, e o camisa 89 usou o corpo para conseguir bater de direita, por baixo de Weverton!