'Eu Não Sou Um Anjo': Highlander lança nova música nas plataformas digitais

“Eu Não Sou um Anjo”, disponível em todas as plataformas digitais, é a nova música de trabalho do cantor e compositor Highlander Cavalcante. A música foi lançada no dia 26 de agosto e já está entre as mais pedidas nas rádios de Alagoas.

Entre a rotina de shows e da vida pessoal, Highlander conta que, para compôr a música, fez em apenas uma noite e que se inspirou em situações vividas por pessoas próximas.

“Todo mundo tem uma boa história que pode ser contada através da música. Então busco inspiração no meu dia a dia, nos meus conhecidos e amigos para compartilhar com o público”, conta Highlander.

Depois do lançamento da música “Eu não sou um anjo”, o cantor e compositor promete novidades.

“Já estamos preparando um novo Cd promocional, com um EP vídeo semi-autoral, que estará disponível nas Plataformas Digitais”, diz Highlander Cavalcante.

Trajetória

O cantor e compositor Highlander Cavalcante nasceu no interior do Mato Grosso, mas se mudou para Alagoas aos 9 anos. Antes mesmo da mudança para o município de Flexeiras, na Zona da Mata do Estado, ele cultivava o sonho de ser cantor. Agora, aos 21 anos, o artista – que se diz alagoano de coração – continua sua jornada em busca de reconhecimento nacional. Por aqui, o público já o braçou, já pede sua música na rádio, já reconhece nas ruas, segue nas redes sociais. Ele, inclusive, acaba de lançar a música ‘Coração Covarde’, já disponível nas plataformas digitais. A música, um sertanejo com arrocha, chega acompanhada de um clipe, também disponível no YouTube.

Highlander foi criado por sua avó e sua mãe, grandes incentivadoras para que ele se tornasse cantor. A sua relação com a música começou quando, aos 10 anos, ele ganhou seu primeiro violão, presente de seu tio, que sabia da vontade que o garoto tinha de aprender a tocar, uma paixão que começou aos 5 anos de idade.

“Eu tinha uma vontade imensa de aprender a tocar e quando ganhei o violão tive certeza que era isso que queria fazer. Mesmo sendo criança, eu alimentei o sonho de ser cantor naquele dia”, diz Highlander.

Mas foi aos 13 anos, que as coisas mudaram de rumo. Highlander conheceu seu pai e o amigo de seu primo, que ouviram uma gravação antiga e insistiram na ideia de Highlander começar a cantar na noite. Então, com apoio de seu pai, ele começou a cantar em todas as cidadezinhas próximas da região, como Satuba, Coqueiro Seco e Santa Luzia do Norte.

Na garganta afiada e afinada, o sertanejo “mais raiz” de Zezé di Camargo e Luciano, Tião Carreiro e Pardinho, Leonardo, Bruno e Marrone e Daniel, suas principais inspirações musicais e ídolos. O vozeirão da adolescência ainda é sua característica principal e o que mais impressiona as plateias e os ouvintes.

Ao longo da sua trajetória, Highlander, já gravou 02 CD’s, já cantou em festas de São João, sendo aclamado pelo público, bem como em casas noturnas e festividades públicas em Alagoas e em outros estados.

Atualmente, o artista se adaptou ao mercado e canta o agora chamado “Arrocha Sertanejo”, com uma pegada única que só ele consegue imprimir em suas músicas e nos repertórios dos seus shows.

O sonho da infância continua e vai mais longe: Highlander quer se tornar um artista reconhecido nacionalmente para que ele possa, assim, ajudar sua avó, que foi sua maior incentivadora na jornada até aqui, seus pais e a todos que o ajudaram no início tão difícil de sua carreira.

Com mais de 60 mil seguidores nas redes sociais, Highlander acumula sucessos, com as músicas de sua autoria “Coração Covarde” e “Na Cama”, que foram lançadas no ano passado.

*Com assessoria