Técnico da Espanha libera sexo para jogadores: "Totalmente normal"

Em live realizada nesta sexta-feira, Luis Enrique afirmou que vê a questão com naturalidade, mas disse que orgia "não é o ideal"

Depois de terem feito o dever de casa, os jogadores da Espanha estão mais do que liberados para curtirem em Doha. Em live realizada nesta sexta-feira, o técnico Luis Enrique foi (como sempre) direto e disse que os jogadores estão liberados para manterem relações sexuais ao longo da Copa.

- Considero o sexo importante e, como jogador, sempre que podíamos, eu e a minha mulher fazíamos o que tínhamos de fazer. Considero totalmente normal. Quer dizer, se o jogador vai para uma orgia na véspera de um jogo, não é ideal - disse.

Hoje técnico, Luis Enrique é um dos grandes nomes do futebol espanhol. Além de ter atuado pela seleção, fez história no Barcelona.

Na live, o técnico também foi sincerão quando perguntado sobre Ferrán Torres, atacante da seleção e genro de Luis Enrique.

O espanhol foi questionado sobre o que faria caso o atacante comemorasse com um gesto de "chupeta", sinalizando a chegada de um possível filho.

"Se ele (Ferran) marcar, fico muito feliz. Mas se fizer esse gesto, eu o substituo, mandaria ele embora e não volta a pisar na grama!" - Luís Enrique.

A Roja foi um dos principais destaques da primeira rodada da Copa do Mundo após golear a Costa Rica por 7 a 0.

Neste domingo, a equipe terá um grande teste diante da Alemanha, em uma partida decisiva para os germânicos. O confronto será às 16h (de Brasília), neste domingo, no estádio Al Bayt.