Quase 5 mil profissionais da saúde foram infectados pelo novo coronavírus em AL

Estado registrou sete mortes de enfermeiros e técnicos causadas pela Covid-19

Alagoas tem, oficialmente, quase 5 mil profissionais da saúde infectados pelo novo coronavírus, mais de 10% do total de casos contabilizados. A informação consta no boletim epidemiológico emitido pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). 
Na última quarta-feira (15), o Conselho Regional de Enfermagem de Alagoas (Coren-AL) confirmou a morte, por covid-19, da enfermeira Elir Paula da Silva Oliveira, 54 anos, que trabalhava em Murici. 
O estado registrou sete mortes de profissionais de enfermagem causadas pelo coronavírus. Desde o início da pandemia, o Coren-AL acompanha os casos e confirma que ultrapassou 1 mil registros da doença, entre casos confirmados ou suspeitos. 
Levantamento feito pela Associação Médica Brasileira (AMB) reúne denúncias sobre a falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) nas unidades de saúde no Brasil. Em tempos de pandemia do coronavírus, profissionais relatam a ausência de itens fundamentais que poderiam evitar a proliferação do vírus, a exemplo de máscaras, luvas e álcool 70%.