Marcelo Queiroga anuncia chegada de 4 milhões de doses via Covax

Em 5 dias, O Ministério da Saúde recebe quase 17 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou nesta sexta-feira (30) que o país terá, até o próximo domingo (2/5), uma das maiores entregas de vacinas contra a Covid-19 desde o início da campanha de imunização.

Em coletiva de imprensa na noite desta sexta-feira (30/4), Marcelo Queiroga disse que nos dias 1° e 2 de maio o país recebe 4 milhões de doses da AstraZeneca, por meio do consórcio Covax Facility.

As doses serão dívidas em duas entregas: a primeira será no sábado, em um voo que chega ao Aeroporto de Guarulhos (SP) com 220 mil unidades.

No domingo, mais 3,8 milhões de doses serão entregues. As unidades chegam em dos voos, que também pousam em Guarulhos. O ministro Marcelo Queiroga viaja até o local para receber a remessa.

Com a chegada dessas doses, o ministério chega a quase 17 milhões de unidades entregues em um intervalo de cinco dias, de 28 de abril a 2 de maio

A entrega mais recente ocorreu nesta sexta-feira: foram 6,5 milhões de doses da AstraZeneca, entregues pela Fundação Oswaldo Cruz. O secretário-executivo Rodrigo Cruz informou que as unidades devem ser entregues nos próximos dias.

No entanto, a presidente da Fiocruz, Nísia Teixeira, que também participou da coletiva, ressaltou que as doses do Rio de Janeiro podem ser buscadas pelos gestores locais, já que a sede da fundação fica no estado.

Veja a lista de entregas de vacinas da semana:

  • 28/4: 5,1 milhões de doses da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz;
  • 29/4: 1 milhão de doses da Pfizer;
  • 30/4: 6,5 milhões de doses da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz, e 420 mil doses da Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan;
  • 1/5: 220 mil doses da AstraZeneca, via Covax Facility; e
  • 2/5: 3,8 milhões de doses da AstraZeneca, via Covax Facility, divididas em dois voos.