Sebastião Melo, do MDB, é eleito prefeito de Porto Alegre

Candidato foi eleito com 54,63% de votos. Manuela teve 45,37% dos votos

Sebastião Melo, do MDB, foi eleito prefeito de Porto Alegre pelos próximos quatro anos. O candidato teve 370.550 votos, o equivalente a 54,63% dos votos válidos.
O resultado foi confirmado por volta das 18h50, quando o candidato foi declarado matematicamente eleito após 97,79% das urnas serem apuradas.
Já Manuela D'Ávila, do PCdoB, obteve 307.745 votos, ou 45,37% dos votos válidos. Em um pronunciamento, após o resultado, ela desejou sorte ao prefeito eleito.
"Cuide de Porto Alegre, porque Porto Alegre merece ter homens e mulheres que vivam com mais dignidade", disse Manuela.
Melo venceu a eleição em nove das 10 zonas eleitorais da Capital. Manuela venceu apenas na 159ª zona eleitoral,
Como foi a disputa
A Capital, o maior colégio eleitoral do estado, com 1.082.726 eleitores, começou a corrida eleitoral com 13 candidatos. Porém, José Fortunati (PTB) renunciou à candidatura após a irregularidade na candidatura de seu candidato a vice e ele apoiou Sebastião Melo.
No primeiro turno, segundo dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Melo teve 200.280 votos (31,01% dos votos), ante 187.262 de Manuela - o que representa 29% dos votos.
A eleição, no primeiro turno, teve 33,08% de abstenção, 5,06% votos brancos e 5,81% votos nulos.
Como votaram
Os dois candidatos da Capital votaram durante a manhã em Porto Alegre.
Manuela foi à zona eleitoral do Colégio Santa Inês, no bairro Petrópolis, por volta das 10h, e depois acompanhou o candidato a vice, Miguel Rossetto.
"Nossa cidade vai construir um caminho novo, inspirado na verdade", afirmou.
Já Melo seguiu o candidato a vice, Ricardo Gomes, e registrou o voto na Escola Paraíba, no bairro Aberta dos Morros, perto das 12h30.
"Vamos a partir desse momento fazer uma grande pacificação da cidade", disse.