Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > BRASIL

Quem é o ex-deputado que mandou matar garoto ao desconfiar de traição

Carlos “Adão” Xavier foi deputado em três legislaturas e é o parlamentar responsável pela criação do Dia do Evangélico no calendário do DF

Condenado em duas instâncias por mandar matar um adolescente de 16 anos que acreditava ser amante da esposa e preso nessa segunda-feira (19), o ex-deputado Carlos Xavier foi o primeiro distrital cassado na história da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF).

Também conhecido como Adão Xavier, o ex-parlamentar recebeu uma pena de 15 anos de prisão, em 2014, por homicídio. O crime ocorreu em 2004, quando estava na terceira legislatura no DF.

Leia também

O político foi eleito em 1994, em 1998 e em 2002 pelo PPB e pelo PSD. Como parlamentar, Carlos Xavier foi o responsável por criar a Lei nº 893, de 1995, que instituiu o Dia do Evangélico no calendário distrital. A data é comemorada em 30 de novembro.

Saiba mais no site Metrópoles, clicando aqui.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Relacionadas